Texto

     Aquele que crê possuir a verdade erra em não se preocupar em procurá-la.

terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Mulher morre em incêndio em Sarandi

Uma mulher de 32 anos, portadora de deficiência física, morreu carbonizada dentro de sua própria residência, logo após a virada do ano, em Sarandi. Corpo de Bombeiros foi acionado por volta da 0h30 desta terça-feira (1º), na Rua das Andorinhas, no Conjunto Floresta, para pagar um incêndio em uma casa de fundos. Quando chegaram no local, a residência já estava tomada pelas chamas. Viviane Reges Laureano era cadeirante, estava sozinha na casa e não conseguiu escapar do fogo. O corpo foi encontrado horas depois e encaminhado ao Instituto Médico-legal (IML) de Maringá. Familiares chegaram ao local momentos após a chegada dos bombeiros e entraram em desespero. As causas do incêndio ainda não foram identificadas. Há possibilidade do fogo ter iniciado por ação de fogos de artifício, ou algum acidente caseiro. A situação será investigada pela Polícia Civil.

0 Comentários: